Arquivo da tag: secretaria de estado

Bento XVI diz ao povo que Bertone fica

O Papa Bento XVI manifestou ontem, mais uma vez, seu total apoio ao Secretário de Estado do Vaticano, Cardeal Tarcisio Bertone, visto por alguns como o principal alvo do recente  escândalo de vazamento de documentos do Vaticano (VatiLeaks, saiba mais aqui).

“Desejo exprimir ao senhor profundo reconhecimento pela sua discreta proximidade e pelo seu iluminado aconselhamento, que considerei de especial ajuda nestes útimos meses”, diz o Papa em carta a Bertone, divulgada pelo serviço de informações do Vaticano.

“Havendo notado com pesar as críticas injustas levantadas contra a sua pessoa, pretendo renovar ao senhor a comprovação de minha confiança pessoal, que já tive oportunidade de manifestar-lhe com a carta de 15 de janeiro de 2010, cujo conteúdo permanece inalterado.”

Naquela ocasião, em janeiro de 2010, o cardeal havia apresentado sua renúncia por motivo de idade – como pedem as normas da Igreja, todos devem fazê-lo aos 75 anos. Mas Bento XVI pediu que Bertone permanecesse sendo o primeiro-ministro do Vaticano e destacou, naquela carta, o autêntico espírito sacerdotal de Bertone, sua competência, sua dedicação, seu sensus fidei (“sentido da fé”) e sua humanidade.

Com a nova carta, o Papa descarta qualquer possibilidade de afastamento de Bertone no curto prazo – o que era esperado já para depois do verão no Hemisfério Norte. Nas últimas semanas, havia rumores de que ele pudesse ser demitido, na tentativa de dar fim à crise de confiança despertada pelo vazamento de documentos. Vale lembrar que, em junho, Bertone deu entrevista sobre os VatiLeaks, mas não falou sobre a possibilidade de ser ele o alvo do escândalo.

Porém, analistas dizem que afastar Bertone agora seria decretar vitória àqueles que queriam justamente esse movimento. Segundo o vaticanista Andrea Tornielli, pode ser que mais adiante, baixada a poeira dos VatiLeaks, o Papa resolva aceitar a renúncia de Bertone por idade, já que ele vai completar 78 anos, e nomear um novo Secretário de Estado.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Vaticano

Vaticano contrata jornalista profissional como ‘conselheiro de comunicação’

Greg Burke, jornalista, é o novo relações públicas do Vaticano

Antes tarde do que nunca. Uma notícia chamou muito a atenção ontem: um jornalista profissional foi contratado para assumir o novo cargo de “conselheiro da Secretaria de Estado” do Vaticano para as questões da Comunicação.

Estamos falando do americano Greg Burke, que ocupava o cargo de correspondente da Fox News em Roma e tem ampla experiência nesse tipo de cobertura.

Pode parecer algo óbvio, mas trata-se de um passo enorme. Uma das principais falhas da Igreja Católica nessa área de Comunicação é a falta de profissionalização. Na maioria das vezes, as atividades são lideradas por padres ou outros religiosos mais ou menos especializados, mas que quase sempre se dividem entre essa e outras funções não menos importantes.

O porta-voz do Vaticano e Diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, por exemplo, é o Pe. Federico Lombardi – que permanece no posto. Vale lembrar que o médico e jornalista Joaquín Navarro-Valls esteve nesse cargo durante mais de 20 anos. Entretanto, além de ser mais teórico do que jornalista “do mercado” (como é o caso de Burke), sua função era mais de organizador dos veículos de imprensa do Vaticano. Já Burke será conselheiro direto das autoridades da Santa Sé.

De qualquer forma, o fato de a Igreja se abrir para a presença de um jornalista profissional dentro do Vaticano mostra que, demorou, mas está caindo uma ficha importante:

Sabe-se que a cobertura da grande imprensa sobre a Igreja é predominantemente negativa (como é para quase tudo), mas será que isso é um problema só da imprensa? Ou seria também um problema da Igreja, que ainda não sabe direito transmitir as mensagens que quer transmitir?

Em vez de apenas se queixar sobre os problemas da mídia, que existem e precisam ser apontados e analisados, agora com Burke a Igreja passa a buscar os problemas de sua própria estratégia de comunicação.

Um bom jornalista profissional saberá que a estratégia de ocultar fatos ou dificultar o acesso da imprensa às informações é sempre pior do que ajudá-la a obter essas informações ou a esclarecer melhor qual é a ordem das coisas.

Burke afirmou, em entrevista à Associated Press, que seu trabalho será semelhante ao do conselheiro de comunicação da Casa Branca (Estados Unidos). “Vamos formatar a mensagem, vamos moldar a mensagem, vamos tentar garantir que todos permaneçam na mensagem. E isso é difícil”, declarou.

A decisão de contratar Burke é, naturalmente, resultado do recente escândalo de vazamento de documentos secretos do Vaticano (que ficou conhecido como “VatiLeaks”, saiba mais aqui).

Segundo o jornalista italiano e também vaticanista Andrea Tornielli, “a Secretaria de Estado finalmente levou o problema a sério depois de ser atingida no estômago após uma série de ocasiões nas últimas semanas”.

Torçamos para que outros níveis da Igreja – dioceses, conferências episcopais, universidades, paróquias – caminhem no mesmo sentido, sem precisar antes de uma pesada dor de estômago para procurar o remédio.

Atualizado às 22h02 com informações sobre Joaquín Navarro-Valls.

Deixe um comentário

Arquivado em Igreja no Mundo, Vaticano

Bento XVI cria comissão de cardeais para investigar o ‘VatiLeaks’

O cardeal espanhol Julian Herranz, que preside a comissão

A Secretaria de Estado da Santa Sé informou hoje que o Papa Bento XVI ordenou a criação de uma comissão de cardeais para “investigar e esclarecer” os vazamentos recentes de documentos secretos do Vaticano, divulgados amplamente nos últimos meses pela imprensa internacional. O caso ficou conhecido como “VatiLeaks”, que detalhamos neste blog no início de março.

“Sua Santidade determinou que a dita Comissão de Cardeais, que vai atuar em todos os níveis por força de seu mandato pontifício, deve ser presidida pelo Cardeal Julian Herranz, e deve ter como seus membros o Cardeal Jozef Tomko e o Cardeal Salvatore De Giorgi“, diz o texto, publicado no site de notícias do Vaticano, News.va.

A primeira reunião dos cardeais foi realizada ontem. Vamos acompanhar o trabalho da comissão e, quando sair algum documento conclusivo, veremos no que deu essa investigação.

2 Comentários

Arquivado em Vaticano